Pesquisa de Clima Organizacional: Da Criação a Aplicação

Tempo de leitura: 11 minutos

Para montar uma Pesquisa de Clima Organizacional, é importante que você já tenha ouvido falar sobre clima organizacional e como ele pode afetar os resultados da sua empresa.

A gestão de pessoas voltada para a satisfação e motivação dos funcionários é um assunto cada vez mais atual e tê-los engajados torna-se cada vez mais relevante para o alcance dos seus objetivos.

Seu negócio precisa de funcionários pensantes! Não pré-programados para realizar sempre a mesma função de maneira automática.

Inúmeras pesquisas demonstram o aumento na produtividade de colaboradores motivados, além de que se estão mais preocupados com o desenvolvimento da empresa.

Mas afinal, você sabe como medir o clima do seu negócio?

Muitas vezes você, em seu papel de gestor, preocupa-se apenas com seu produto ou serviço e com seus clientes, mas esquece do processo necessário para levar sua proposta de valor até o consumidor final, das pessoas envolvidas e responsáveis por este processo.

Se estão satisfeitas com a maneira com que devem realizar suas funções, os processos e sistemas com os quais interagem, com seus líderes diretos e indiretos, aspectos do ambiente físico (ar condicionado, cadeiras confortáveis, espaço organizado e limpo) e comportamental (relações sociais, hierárquicas, fatores psicológicos) em que trabalham, com as políticas da empresa, se têm ideias para melhoria geral da organização.

É aí que uma pesquisa de clima organizacional entra: para ouvir os colaboradores, mostrar que são importantes e essenciais para a empresa para que, assim, trabalhem melhor e mais engajados, comprometendo-se com maiores entregas e resultados.

E o que é uma pesquisa de clima organizacional?

Como toda ferramenta de pesquisa, é a coleta de percepções a partir de um instrumento, no caso quantitativo, um questionário. A intenção é a análise de dados primários, a geração de informações relevantes e embasamento para a tomada de melhores decisões.

Uma pesquisa de clima organizacional tem para o RH (ou departamento envolvido na gestão de pessoas) a mesma importância de uma pesquisa de mercado para o Marketing, alterando apenas o tipo de cliente que está em foco: no caso da pesquisa de clima, o cliente é o colaborador, o “cliente interno” da organização.

É o instrumento de monitoramento e gerenciamento da satisfação e do comprometimento dos funcionários de uma organização. Torna-se importante por medir a efetividade das ações planejadas e implementadas, a satisfação com o ambiente organizacional (infraestrutura, relacionamentos, lideranças, crescimento na organização) e as demandas dos colaboradores para com a empresa.

A Pesquisa de Clima Organizacional se faz um meio de retroalimentação (feedback) fundamental para empresas de médio a grande porte, afinal, quanto maior é sua empresa, mais complexa fica a comunicação direta e sincera entre os diferentes níveis hierárquicos.

Por onde começar?

Por ser uma ferramenta de pesquisa, torna-se essencial que sua primeira tarefa seja elencar um problema, o motivo pelo qual a pesquisa de clima deve ser aplicada. Pode ser para o monitoramento cotidiano do clima organizacional, mas também pode ter algo específico a ser abordado e questionado de acordo com a opinião dos colaboradores, como a implantação de um novo processo ou política na empresa, por exemplo.

O importante é que responda perguntas como “o que levou você a decidir aplicar uma pesquisa de clima organizacional?” e “quais decisões você pretende tomar a partir dos resultados dessa pesquisa? “.

Sabendo o problema central da pesquisa, você deve elaborar um objetivo geral, ou seja: uma declaração resumida do que a pesquisa objetiva atingir.

Elenque também os objetivos específicos, aspectos que sendo cumpridos farão com que o objetivo geral se cumpra também. Estes são importantes para guiar a elaboração das perguntas do instrumento de coleta, sem que se deixe passar nenhuma questão essencial para a análise dos resultados.

Procure fazer com que seus objetivos sejam claros e permitam que, após a aplicação da pesquisa, você saiba se foram realmente atingidos. Pergunte-se se é possível alcançar esses objetivos com uma pesquisa de clima organizacional.

Exemplo técnico

Por exemplo, sua empresa implantou um novo sistema de controle de horários instalando uma nova máquina de ponto para os funcionários. Os horários costumavam ser mais flexíveis e os atrasos não eram controlados mas, com o ponto, os colaboradores vêm sendo cobrados mais frequentemente.

Como gestor, você prefere que os funcionários sejam pontuais e cheguem no horário estabelecido, certo?

Mas os funcionários parecem insatisfeitos com a nova política de controle da empresa. Você sabe que comentários são feitos entre eles, mas nada é comunicado a você nem aos superiores imediatos.

Você já ouviu falar sobre a pesquisa de clima e realmente já havia pensado em medir a satisfação, motivação e o engajamento dos seus funcionários.

Preocupado em como essa situação pode afetar o clima organizacional da sua empresa, decidiu aplicar a pesquisa de clima organizacional.

A definição do problema:

Quais os aspectos positivos e negativos que impactam no clima organizacional da minha empresa?

O objetivo geral da pesquisa:

Analisar a satisfação, motivação e engajamento dos funcionários da empresa XX, verificando a aceitação da nova política de controle de horários.

Objetivos específicos:

  • Observar a percepção geral dos membros em relação ao clima da empresa;
  • Medir a satisfação dos colaboradores em relação as regras e normas impostas;
  • Verificar sugestões de melhoria entre os funcionários;
  • Perceber como os membros avaliam a definição da estratégia no ano;
  • Medir a motivação e satisfação dos membros em trabalhar na organização;
  • Identificar a percepção dos membros em relação a infraestrutura da empresa;
  • Verificar a percepção e satisfação dos membros quanto às lideranças da organização.

A elaboração do problema e dos objetivos deve ser muito bem formulada e feita com muita reflexão. A intenção é que haja continuidade do instrumento de coleta no decorrer das aplicações posteriores, fazendo com que a pesquisa de clima e seu questionário sejam reaplicáveis nesses outros períodos de tempo para que se consiga perceber a evolução dos resultados.

A elaboração do questionário

Esta é uma das etapas mais importantes de todo o processo da pesquisa de clima organizacional. É a partir da coleta através do questionário que todos os dados necessários para análise virão, então lembre-se dos objetivos elencados anteriormente e baseie-se neles para elaborar as perguntas do questionário.

Defina a maneira com que sua pesquisa de clima será feita. Pense em aspectos como o jeito com que a pesquisa será comunicada e a maneira com que será redigida: se o público envolve colaboradores de nível operacional, por exemplo, certifique-se de que a linguagem do instrumento de coleta está adequada e compreensível.

Um bom questionário de pesquisa de clima pode ter algumas características:

  1. Introduz a pesquisa e dá as instruções necessárias para seu preenchimento no início do questionário;
  2. Tem perguntas claras, objetivas e de fácil entendimento para o respondente;
  3. Segue uma ordem lógica nas perguntas;
  4. Separa as perguntas por temas em blocos, facilitando para o respondente assimilar o assunto abordado naquele momento;
  5. Tem a maioria das perguntas fechadas (como as de múltipla escolha), mas abre um espaço qualitativo em algumas para que o colaborador possa realmente passar sua percepção na pesquisa;
  6. Preza apenas pelas perguntas necessárias (aqui entra a importância de basear-se nos objetivos geral e específicos!);
  7. Não é visualmente desagradável aos olhos dos respondentes, ou seja: as perguntas não estão dispostas umas em cima das outras, com fontes muito pequenas e que não possibilitam fácil leitura.

Uma dica para a elaboração das perguntas é fazer com que o máximo possível delas estejam no modelo de escala.

Na linha do exemplo levantado anteriormente, algumas perguntas de exemplo poderiam ser:

  • Como você avalia as mudanças na política de horários da empresa?

(  ) Ótimo (   ) Bom (  ) Regular (  ) Ruim (  ) Péssimo

  • Você desempenha seu trabalho buscando obter resultados melhores do que aqueles esperados pela empresa?

(  ) Sempre (  ) Quase sempre (  ) Raramente (  ) Nunca (  ) Não tenho opinião

A aplicação da sua pesquisa de clima organizacional

Primeiro decida o meio pelo qual a pesquisa de clima será aplicada: pessoalmente com cada funcionário ou a partir de um ferramenta online, como o Gorila. Lembre-se de que esta decisão influenciará na tabulação e análise dos dados colhidos.

Fazendo a pesquisa a pesquisa online, a confiabilidade no anonimato das respostas para os colaboradores tende a ser maior. Porém, se aplicada online, a pesquisa de clima organizacional deve ser muito bem comunicada antes do colhimento das respostas, explicando o que é uma pesquisa de clima e por que deve ser respondida com atenção e seriedade.

Procure por 100% das respostas entre seus colaboradores! Quanto mais respostas, mais percepções e mais próximos da realidade os planos de ação serão traçados. Para isso, estipule um prazo para o preenchimento da pesquisa e crie senso de urgência em seus funcionários.

É comum na implementação de pesquisas de clima que os funcionários desacreditem na efetividade do resultado e nos benefícios que a pesquisa pode trazer. Por isso, tona-se essencial que entendam a relevância da pesquisa de clima organizacional não só para a sua empresa, mas também para a melhoria do seu próprio ambiente de trabalho. A intenção é que levem a sério as respostas que darão, já que são anônimas e são um meio essencial para que suas percepções sejam ouvidas dentro de uma organização.

Análise dos dados e estratégias de melhoria

Após a aplicação do instrumento de coleta, concentre-se em tabular os dados obtidos e transformá-los em informações úteis para as tomadas de decisão da sua empresa. Agrupe os dados com as frequências das respostas e faça a análise e interpretação estatística das respostas.

Esta etapa é essencial para validar as percepções qualitativas colhidas nos questionários, a partir da frequência das respostas em alternativas positivas ou negativas no questionário.

A partir dos resultados obtidos na pesquisa, reúna-se com os tomadores de decisão da sua empresa e trace planos de ação para os resultados mais críticos. Procure resolver os problemas trazidos pela visão dos seus colaboradores e faça com que se sintam ouvidos e importantes dentro da empresa.

A elaboração de um relatório com os resultados estatísticos, qualitativos e com as análises e planos de ação elaborados é essencial para a divulgação correta dos resultados, buscando manter seus funcionários informados, alinhados e reconhecendo a importância da pesquisa de clima organizacional em seu ambiente de trabalho.

Caso já tenha sido feita uma pesquisa de clima na sua empresa, busque trazer o relatório passado para a análise atual. Compare os resultados e planos de ação. Procure razões para ações que deram ou não certo e tente corrigir e melhorar os planos de ação de um período para outro.

Com a continuidade das perguntas e análises comparativas, as avaliações serão cada vez mais profundas e sua empresa caminhará para um clima organizacional cada vez melhor, com colaboradores mais engajados, satisfeitos e motivados.

O que você está esperando para colocar em prática sua pesquisa de clima organizacional?

Agora você já sabe como uma pesquisa de clima é importante para sua gestão, para a motivação dos seus funcionários, para a melhoria contínua e alcance de resultados conjuntos da sua empresa.

Também sabe como planejar, executar e analisar os resultados que serão obtidos.

Sabe que ainda mais importante que colher e analisar os resultados é transformar as informações obtidas e ações consistentes buscando um ambiente de trabalho agradável.

Um bom clima é um investimento para a empresa. Diminui absenteísmo, melhora o trabalho em equipe, valoriza o trabalho das pessoas, diminui turnover, aumenta a participação, propicia clima inovador, melhora produtividade, valoriza a empresa, gera valor, enfim. Os benefícios são extraordinários.

Agradecimento a empresa Esag Jr – Texto retirado do Blog da Esag Jr e escrito por Julia Barbato

Deixe seu comentário :)

comentários